Debate

Will Smith conta como foi rejeitado por Karyn Parsons, a Hillary de ‘Um Maluco no Pedaço’

07 • 12 • 2021 às 18:57 Redação Hypeness
Redação Hypeness Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Os fãs da icônica série dos anos 90, “Um Maluco no Pedaço”, encontraram mais uma fonte de boas histórias de bastidores e curiosidades sobre a série: o livro “Will”, de Will Smith, reúne memórias de carreira e vida pessoal do ator que foi protagonista da série. 

Entre as revelações, o público tem debatido o quase-romance entre o ator e sua colega de elenco Karyn Parsons, que interpretou a prima de Will, Hillary Banks, na série. Segundo depoimento de Smith, ela priorizou o trabalho a um possível relacionamento. 

– ‘Um Maluco no Pedaço’: o que se sabe sobre o reboot de 2 temporadas

“Ela foi esperta o suficiente para me dizer ‘claro que não’ quando tentei explicar que não éramos primos de verdade, então não haveria problema se namorássemos. Eu disse: ‘Eu juro que não vai atrapalhar nossa relação de trabalho.’ Ela sabia melhor do que eu – boa, KP”, escreveu Will em seu livro.

Will Smith e Karyn Parsons em “Um Maluco no Pedaço”

– Will Smith e Jada: como mentalidade da esposa tornou casamento não monogâmico

Segundo Will, Parsons tinha medo que um relacionamento amoroso poderia estragar a relação profissional dos dois, principalmente caso o lado pessoal não desse certo. Nos bastidores de “Um Maluco no Pedaço”, Will quebrou vínculos com Janet Hubert-Whitten, que interpretava a Tia Vivian, e isso custou o papel da atriz – os dois só fizeram as pazes 30 anos depois, na reunião da série.

No fim das contas, Will acabou ficando livre para o amor de sua vida: pouco tempo antes do fim da série, ele conheceu Jada Pinkett Smith, sua esposa e mãe dos filhos mais novos, Jaden e Willow. 

Publicidade

Canais Especiais Hypeness