Diversidade

Diversidade no trabalho: ONG lança material para ajudar gestores a terem uma equipe mais plural

Redação Hypeness - 19/01/2022 às 10:39 | Atualizada em 21/01/2022 às 07:53

Diversidade. Tema que ocupa cada vez mais espaço na publicidade, em discursos políticos e corporativos, em salas de aula e pautas jornalísticas. Mas como transformar o discurso em ação? Tirar do papel, da intenção, da discussão e passar para a prática? Levar a tão propagada diversidade para dentro dos espaços públicos e privados de forma eficaz e permanente? Como converter o tema em
políticas que funcionem de fato?

Incluir, inserir e aceitar a extensa e diversa gama de pessoas que coexistem na sociedade, com respeito e abertura para acolher ideias, pontos de vista, costumes e culturas diferentes não é apenas desejável, mas necessário. No entanto, esta prática pressupõe mudanças de paradigmas nem sempre simples de serem incorporadas. Com esta constatação, o Olabi lançou no dia 10 de novembro uma série de materiais digitais que orientam e auxiliam CEOs, gestores, administradores e gerentes de recursos humanos a adotarem, em suas empresas, políticas pautadas pela diversidade.

O material, que será disponibilizado gratuitamente, engloba uma série de podcasts, um vídeo manifesto e o ebook Experiências de Diversidade & Inclusão. Todo o material estará disponível aqui e, no caso dos podcasts, também nas principais plataformas digitais.

Entre os conteúdos, um glossário que traduz e esclarece termos e conceitos ligados ao tema, uma curadoria de livros, filmes e podcasts sobre o assunto, dicas práticas de ações e iniciativas para adotar nos locais de trabalho e entrevistas com lideranças de empresas que já assumiram o desafio de contratar mais negros, mulheres, pessoas LGBTQI+ e pessoas com deficiência em seus quadros.

“Estamos plantando uma semente. Queremos incentivar empresas a construir a diversidade em seus locais de trabalho, não como um discurso, mas como uma política permanente”, explica Silvana Bahia, codiretora executiva do Olabi. “Ao mesmo tempo, estamos trazendo a público políticas internas e boas práticas de organizações que já estão trilhando este caminho no Brasil e no mundo”.

Diversidade como diferencial

A aposta em equipes mais diversas – em aspectos como gênero, raça, classe social, orientação sexual, idade, regionalidade e portabilidade de deficiência, entre outros – apresenta ganhos em vários níveis, aponta pesquisa com líderes das várias organizações.

Especialmente nas carreiras ligadas à tecnologia. A retenção de talentos nessa área ganha especial importância, uma vez que falta mão de obra especializada. O número insuficiente de profissionais nas carreiras de STEM (Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática, do acrônimo em inglês) faz com que esses profissionais sejam disputados pelos empregadores.

Pensando em tudo isso, o Olabi, que é uma organização social que desde 2014 trabalha por ampliar a diversidade nas áreas de tecnologia e inovação, mantém desde 2017 a Pretalab, uma iniciativa referência em inclusão e diversidade no País, focada no protagonismo das mulheres negras na construção do futuro. Na site, os idealizadores informam que longe de ser um conteúdo conclusivo, este espaço é um convite à discussão e um chamado à ação, para que a desigualdade social não se aprofunde ainda mais.

Publicidade

Fotos: Reprodução/Olabi


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Canais Especiais Hypeness