Diversidade

Linn da Quebrada: o dia em que a BBB retificou o nome na certidão de nascimento e reencontrou o pai

Redação Hypeness - 24/01/2022 às 08:34 | Atualizada em 26/01/2022 às 09:23

A vida da travesti não é fácil. Especialmente no Brasil, que é um dos países mais transfóbicos do mundo. No entanto, existir e resistir é preciso e a busca por dignidade e direitos não para. A cantora e atriz Linn da Quebrada, de 31 anos, compartilhou em seu perfil no Instagram, no começo de janeiro, um momento muito especial. Sua conquista pela mudança de nome na Certidão de Nascimento.

Esse direito, que está assegurado à pessoas trans desde 2016 no âmbito dos órgãos judiciários pela Resolução 270 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e, de forma mais ampla, em toda a Administração Pública, pelo Decreto nº 8.727/2016.

 

Na legenda da foto, Linn escreveu:

Verificado
& se trans for mar??
eu rio!!!

sim, eu m*tei o Júnior, para me lavar 🧜🏽‍♀️

Junior era parte do nome que recebeu ao nascer, uma homenagem a seu pai, Lino, com quem sempre teve pouco contado. Pelo menos até recentemente.

O reencontro com o pai

Depois de muitos anos sem contato com o pai, os dois se reencontraram e Linn fes questão de registrar o momento. Os dois posaram sorridentes, mostrando a alegria de estarem juntos novamente.

Na publicação, Linn escreveu: “Com vocês, Lina e Lino. Frente a frente. Depois de muitos e muitos anos, mais do que eu consiga me lembrar, finalmente nos conhecemos. 2022 começou realmente com tudo. Feliz ano todo para nós desatarmos”, escreveu a artista.

Realmente não é exatamente fácil para algumas pessoas, especialmente as mais velhas, entenderem pessoas trans. “Ainda não entendi, até hoje, como você se transformou de água para o vinho.” comentou o pai de Linn, que logo transformou a dúvida em amor, emendando um “Esse é o mistério. Te amo, pai”.

Seu Lino não hesitou e mostrou, com seu outro comentário, que entender não é importante. Amar sim. Respondeu: “Eu também, filha. Que Deus te abençoe e proteja, hoje amanhã e sempre.”

A Luta continua

Cenas como essa são de aquecer o coração e são vitórias para as travestis e pessoas trans que devem ser comemoradas sim. Ainda em dezembro do ano passado, Linn publicou sua nova certidão de nascimento com o nome que escolheu e escreveu: “Essa lua minguante está levando tudo embora, está levando o Júnior (nome da artista antes da mudança) e permitindo com que eu, Lina Pereira, apareça. Com que eu exista agora com um pouco mais de dignidade, de humanidade”.

Ela que se despontou como um nome forte na cena musical, também se destacou na dramaturgia. Ela deu vida à personagem Natasha, na série “Segunda Chamada”, da Globo.

“É uma vitória tão grande para mim, para nós travestis, pessoas trans, que somos negadas em vida. Saber que vou viver e que, quando morrer, vou ser enterrada com o meu nome” desabafa.

Publicidade

Fotos: Reprodução/Instagram


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Canais Especiais Hypeness