Debate

Polícia prende membros de culto que transformava homens em eunucos e transmitia tudo ao vivo

Redação Hypeness - 08/02/2022 às 13:02 | Atualizada em 08/02/2022 às 13:21

A polícia de Londres prendeu sete pessoas de um suposto culto de anulação genital no bairro de Finsbury Park. De acordo com informações da imprensa britânica, o grupo era um espécie de seita de nullos, pessoas que removem seus genitais como forma extrema de modificação corporal.

De acordo com o tabloide britânico The Sun, o grupo de sete homens liderado por um norueguês de 44 anos de idade transmitia vídeos de procedimentos cirúrgicos para remoção de genitais através de um canal de pay-per-view na televisão.

– ‘Diabão Brasileiro’: homem cria garra com dedo removido e coloca chifres

O artista plástico Mao Sugiyama é um dos mais famosos nullos do mundo; nessa imagem, ele serve seus genitais para alimentação em intervenção artística bizarra

A investigação levou a outros seis homens que faziam parte do grupo e convocavam pessoas para participar do grupo de anulação genital.

– A transformação do ex-executivo de banco que se tornou um ‘réptil sem gênero’

O termo nullo, nulla, nulle ou nullx é uma forma de descrever membros de uma subcultura de modificação corporal extrema que tem como ponto principal a remoção dos órgão genitais de forma cirúrgica.

A cultura de bodymod não tem necessariamente conexão com pessoas transgênero. Os nullos são indivíduos que se identificam como eunucos e, geralmente, se tratam de pessoas que nasceram com pênis. Entretanto, também existem nullas que fecham o canal vaginal e retiram o clitóris.

O homem líder do grupo se apresentava como um “fazedor de nullos”. Entretanto, a imprensa britânica não revelou por quais crimes o norueguês de 44 anos será acusado.

– Homem que removeu nariz e língua amputa dedos para se parecer com um alien

“Foi tudo muito bizarro, havia policiais do lado de fora do apartamento por alguns dias. Eles estavam colocando tudo em sacos plásticos – pareciam computadores e laptops”, disse um vizinho que viu a abordagem policial ao The Sun.

“As alegações são chocantes. Dizem que os homens foram filmados com partes íntimas removidas”, completou uma fonte. “Esses procedimentos aparentemente foram exibidos em um canal adulto pay-per-view”, afirmou.

Publicidade

Fotos: Reprodução


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Canais Especiais Hypeness