Sustentabilidade

Jane Fonda anuncia novo comitê de ação política contra gigantes petrolíferas

Redação Hypeness - 25/03/2022 às 09:19 | Atualizada em 29/03/2022 às 08:55

A atriz e ativista Jane Fonda anunciou um novo comitê de ação política (PAC) para se opor aos políticos que apoiam os gigantes dos combustíveis fósseis. Ela acaba de divulgar um vídeo descrevendo seu projeto que pretende estimular ações efetivas contra as mudanças climáticas.

“Não é nenhum segredo que eu tenho um histórico de arrepiar em Washington”, diz Fonda no vídeo. “Quando eu tinha 32 anos, o presidente Nixon me prendeu e, cinquenta anos depois, fui presa cinco vezes por protestar contra a inação do governo em relação às mudanças climáticas. Veja, eu nunca tive medo de enfrentar políticos que ignoram a realidade do que está em jogo.”

Jane Fonda diz que é hora de ‘apelar para desobediência civil’ em defesa do clima

Os PACs coletam verba de doadores individuais e empresas e usam esse dinheiro para financiar campanhas de seus candidatos favoritos. Fonda fundou seu primeiro PAC na década de 1970 com seu então marido Tom Hayden, que mais tarde se tornou senador. Ela usou dinheiro de seu império fitness para financiar a Campanha pela Democracia Econômica, que apoiou moradias equitativas, fontes de energia livre de poluição, desenvolvimento de energia solar, entre outras causas progressistas.

Quem é Greta Thunberg e qual a sua importância para o futuro da humanidade

Desta vez, ela está enfrentando políticos que estão em dívida com as empresas de petróleo. Fonda ressalta que a indústria de combustíveis fósseis distribuiu cerca de US$ 140 milhões em contribuições de campanha durante as eleições de 2020, apoiando democratas e republicanos. “Esse dinheiro tem consequências reais”, diz ela. “As principais soluções estão paradas no frio.” Ela menciona o Green New Deal, o Build Back Better e os investimentos em energia limpa como vítimas de políticos que estão no bolso das grandes petroleiras.

protestos jane fonda 4

Agora, os cientistas proclamaram que precisamos cortar as emissões pela metade até 2030. “São apenas quatro ciclos eleitorais antes do ponto sem retorno”, diz ela. Enquanto o público vota pensando no clima, Fonda diz que os políticos não demonstraram o mesmo compromisso.

“Se não podemos mudar as mentes das pessoas no poder, precisamos mudar as pessoas no poder”, diz ela. Sua mensagem aos políticos: “Vocês deveriam ter tanto medo por suas carreiras quanto nós pelo clima saindo do controle. Não vamos recuar.”

O ex-diretor político nacional do Sierra Club, Ariel Hayes, assinou contrato como consultor no Jane Fonda Climate PAC.

Até mesmo as florestas protegidas estão ameaçadas com a emergência climática

Publicidade

Fotos: Getty Images e Reprodução/Youtube Jane Fonda PAC


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Canais Especiais Hypeness