Debate

Noruega proíbe criação de Bulldog Inglês e Cavalier Spaniel pelo sofrimento por crânio pequeno

Patrocinado por: Adotar é Hype
Roanna Azevedo - 07/03/2022 às 10:18 | Atualizada em 29/04/2022 às 15:43

Em decisão recente do tribunal de Oslo, a Noruega proibiu a reprodução para criação das raças Bulldog Inglês e Cavalier King Charles Spaniel. O veredito foi dado com base na longa lista de doenças que os cães de ambos os tipos desenvolvem ao longo da vida por causa do tamanho de seus crânios, o que viola as leis de proteção animal do país.

Moda de ‘latir’ para os cachorros no TikTok pode fazer mal aos animais, dizem especialistas

A reprodução das raças para criação foi proibida para evitar o sofrimento causado pelo tamanho de seus crânios.

A proibição foi bem aceita por ativistas pelos direitos dos animais e criticada pelos criadores das raças. Os juízes alegaram que a forma com que o Bulldog Inglês e Cavalier King Charles Spaniel são criados para reprodução é cruel, afetando a saúde dos cães a longo prazo. A forma como fazemos isso talvez fosse aceitável há 50 anos, mas não agora”, declarou Åshild Roaldset, presidente da Sociedade Protetora dos Animais da Noruega.

Cachorros reconhecem emoções dos donos e tomam decisões a partir disso; saiba como

Considerado símbolo da perseverança britânica, o Bulldog Inglês é uma raça de cães com focinho achatado e pele do rosto enrugada. Essas condições fazem com que eles desenvolvam dificuldades respiratórias, além de problemas dermatológicos e ortopédicos.

Os Bulldogs Ingleses tendem a desenvolver principalmente problemas respiratórios.

O sistema reprodutivo da raça também costuma ser afetado, impedindo a ocorrência de partos naturais. Na Noruega, por exemplo, mais da metade dos Bulldogs nascidos nos últimos dez anos vieram ao mundo por meio de cesariana. Com o tempo, muitos animais da raça ainda podem sofrer de problemas na coluna, no aparelho digestivo, nos pulmões, olhos e ouvidos.

Cachorros são capazes de diferenciar idiomas estrangeiros, diz estudo

Os cães da raça Cavalier King Charles Spaniel costumam sofrer com fortes dores de cabeça por causa do crânio pequeno.

O caso do Cavalier King Charles Spaniel não é muito diferente. Os cães dessa raça costumam ter o crânio bem pequeno, fazendo com que eles sofram de dores de cabeça muito intensas. Problemas nos olhos também são bem comuns, além de insuficiência cardíaca e complicações nas articulações.

Publicidade

Fotos 1e 2: Pixabay

Foto 3: Steshka Willems/Pexels


Roanna Azevedo
Diretamente da zona norte do Rio, é jornalista por profissão e curiosa por conta própria. Ama escrever sobre cinema e o universo do entretenimento há mais de dois anos. Tem paixão por tudo que envolve cultura, música, arte e comportamento, além de ficar sempre ligada no que rola no mundinho da comunicação nas redes sociais.