Debate

Balneário Camboriú, que teve que aumentar areia da praia por causa de sombra, anuncia prédio de 154 andares

Vitor Paiva - 19/04/2022 às 08:22 | Atualizada em 20/04/2022 às 09:25

A prefeitura de Balneário Camboriú, no litoral de Santa Catarina, deu parecer favorável à construção na cidade da Triumph Tower, um imenso edifício de 154 andares e 509 metros que se tornará o maior prédio do América Latina e o mais alto edifício residencial do mundo.

A aprovação parcial surge meses depois da mesma prefeitura realizar, em dezembro do ano passado, uma grande obra para ampliar a faixa de areia na orla para devolver o Sol à praia e driblar a sombra imposta pelos edifícios construídos à beira-mar: a previsão do novo projeto, porém, é erguer a nova e gigantesca torre na orla da Praia Central.

-Nova York inaugura arranha-céu mais magro do mundo; arquitetura bizarra assusta

O edifício será uma parceria entre a FG Empreendimentos e a Havan, e terá uma área total construída de 134.036,21 m². O plano diretor de Balneário Camboriú não determina limites de altura para a construção de edifícios na Avenida Atlântica, por exemplo, endereço da maioria dos arranha-céus do município.

O maior edifício do Brasil, chamado Infinity Coast, com 66 andares e 234 metros de altura, fica na cidade, e também foi construído pela FG. Antes da Triumph Tower ficar pronta, porém, um novo recordista será erguido ainda este ano na cidade: com 81 andares e 281 metros de altura, o edifício Yachthouse se tornará, ao menos por um período, o maior edifício do Brasil.

-Projeto de lei quer privatizar 10% das praias brasileiras

O projeto agora se encontra sob análise da Secretaria Municipal de Planejamento e, com o projeto arquitetônico aprovado e a deliberação do Conselho da Cidade, o alvará de construção poderá ser pedido pela construtora. Para ser construído, o projeto precisa conseguir o Termo de Aprovação da Secretaria de Planejamento e Gestão Orçamentária, e a aprovação do Conselho da Cidade e de licença do Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA).

O projeto aguardava aprovação desde novembro do ano passado, e o parecer favorável da prefeitura foi emitido pela Comissão Especial de Análise de Estudo de Impacto de Vizinhança (CEIV), órgão que avalia os projetos antes de chegarem ao Conselho da Cidade.

-Capitalismo decadente: o prédio de R$ 17 bilhões que está se desfazendo em Manhattan

A falta de limites de altura determinado no plano diretor da cidade é motivo de críticas constantes sobre o desenvolvimento urbano desenfreado em Balneário Camboriú – segundo a prefeitura, apesar do parecer favorável, o projeto ainda está em análise, e a construtora também informou que pendências e detalhes podem ser alterados até a construção.

A própria altura do edifício poderá ser redefinida. Segundo a construtora, ainda não há data para o início da construção da Triumph Tower na cidade catarinense, que inicialmente terá 230 apartamentos e 840 vagas de garagem. Se for construída com a altura informada, o prédio será um dos 10 maiores do mundo.

Publicidade

© fotos 1, 3: FG/Divulgação

© foto 2: Getty Images


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, Vitor Paiva é doutor em Literatura, Cultura e Contemporaneidade pela PUC-Rio. Autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores, publica artigos, ensaios e reportagens.

Canais Especiais Hypeness