Arte

Marina Abramovic vai reencenar sua performance icônica em apoio às vítimas da guerra na Ucrânia

Gabriela Rassy - 01/04/2022 às 09:47 | Atualizada em 05/04/2022 às 10:35

A lendária artista performática Marina Abramović vai reencenar sua mais icônica performance “The Artist Is Present”, mas desta vez as pessoas terão a oportunidade de concorrer – e fazer parte do espetáculo – em uma ação para arrecadar fundos para a Ucrânia. Abramović deve promover um leilão no tempo da performance, juntamente com a Galeria Sean Kelly de Nova York, Artsy e o fotógrafo Marco Anelli.

“The Artist Is Present” foi originalmente realizado no MoMA de Nova York, em 2010, durante uma retrospectiva da carreira de Abramović. Por 716 horas e meia, ela se sentou em uma mesa e trocou olhares com os visitantes que se sentaram diante dela por quase três meses.

Cada pessoa foi fotografada por Anelli, seu fotógrafo de longa data. Agora, graças a este leilão especial, três novos espectadores terão esta oportunidade de sentar-se frente a frente com Marina.

O leilão online, que está sendo realizado no Artsy, tem duas experiências distintas. Um é para ser fotografado sozinho com Abramović e o outro é para duas pessoas se sentarem à mesa com a artista sérvia.

Marina Abramović

Marina Abramović

Mais uma vez, Anelli estará presente para fotografar cada sessão. Os vencedores do leilão receberão uma cópia emoldurada do registro fotográfico, assinado por Abramović e Anelli. Eles também receberão uma cópia assinada do livro de Anelli, “Portraits in the Presence of Marina Abramović” (Retratos na presença de Marina Abramović), que contém todos os 1.545 retratos da performance do MoMA.

Todos os rendimentos do leilão serão destinados ao fundo de emergência da Direct Relief em resposta à invasão da Ucrânia.

Entenda os porquês da declaração de Marina Abramovic sobre aborto

Abramović trabalhou na Ucrânia no ano passado, com seu “Muro de Cristal do Choro” erguido no Centro Memorial do Holocausto Babyn Yar, em Kiev. Ela foi rápida em denunciar a ação da Rússia em uma mensagem de vídeo publicada logo após o início da invasão. “Tenho total solidariedade com eles neste dia impossível”, diz ela no vídeo. “Um ataque à Ucrânia é um ataque a todos nós. É um ataque à humanidade e tem que ser parado”.

Atualmente, Sean Kelly está realizando uma retrospectiva do trabalho de Abramović. Quando dois funcionários da galeria tiveram a ideia de um leilão para beneficiar a Ucrânia, o artista ficou entusiasmado. Em pouco tempo, eles foram capazes de puxar o evento juntos. “Sentimos que precisávamos fazer algo rápido”, compartilha Kelly. “Sentimos que é um grande imperativo colocar dinheiro nas mãos das pessoas o mais rápido possível.”

– O que vimos na mostra Terra Comunal da artista Marina Abramovic em SP

Publicidade

Fotos: Getty Images


Gabriela Rassy
Jornalista enraizada na cultura, caçadora de arte e badalação nas capitais ensolaradas desse Brasil, entusiasta da cena musical noturna e fervida por natureza.

Canais Especiais Hypeness