Ciência

O dedo médio de Galileu está em exposição num museu e você pode visitá-lo virtualmente

Roanna Azevedo - 28/04/2022 às 10:06

“Este item exemplifica a celebração de Galileu como herói e mártir da ciência.” Essa é a descrição do Museu Galileu em Florença, na Itália, sobre o dedo médio do cientista que está exposto ao público para visitação, inclusive virtual. Ele foi destacado do cadáver em 1737 por Anton Francesco Gori, logo após os restos mortais do astrônomo serem transferidos para um túmulo especial na Basílica de Santa Croce.

Van Gogh é pop: exposição imersiva sobre pintor chega ao Rio

Desde a remoção, o dedo passou a ser propriedade de Angelo Maria Bandini e exposto na Biblioteca Laurenziana. Em 1841, foi enviado para a Tribuna di Galileo no Museo di Fisica e Storia Naturale. Oitenta e seis anos depois, chegou até o Museo di Storia della Scienza.

A base de mármore em que o dedo está exposto no museu foi esculpida com uma inscrição comemorativa por Tommaso Perelli.

Durante mais de um século considerada perdida, um colecionador finalmente localizou a relíquia. Ela então foi enviada ao Instituto e Museu de História da Ciência de Firenze para ser exposta ao público pela primeira vez, em 2010.

Exposição transforma land art e instalações em política e miragem no deserto saudita

Galileu Galilei (1564-1642) foi um astrônomo, engenheiro, físico e matemático italiano conhecido por estudar os princípios da relatividade, apresentar e utilizar uma versão mais tecnológica do telescópio e defender o heliocentrismo. Em 1633, por tentar provar que o Sol realmente era o centro do universo, foi condenado à prisão domiciliar. Ele faleceu nove anos depois, em 1642.

A exposição do dedo de Galileu pode ser vista pelo site do museu.

Carolina Maria de Jesus é celebrada em exposição e relançamentos: “Ela é um ponto de confluência de um outro Brasil”, diz Tom Farias, seu biógrafo

Publicidade

Foto: AFP/Catola and Partners Media


Roanna Azevedo
Diretamente da zona norte do Rio, é jornalista por profissão e curiosa por conta própria. Ama escrever sobre cinema e o universo do entretenimento há mais de dois anos. Tem paixão por tudo que envolve cultura, música, arte e comportamento, além de ficar sempre ligada no que rola no mundinho da comunicação nas redes sociais.

Canais Especiais Hypeness