Debate

Trisal: por que lemos mais sobre relacionamentos com um homem e duas mulheres?

Redação Hypeness - 25/04/2022 às 14:24

Nas últimas semanas, publicamos diversas reportagens sobre trisaisOs relacionamentos a três começaram a receber atenção da mídia e interesse do público por se apresentarem como uma alternativa aos relacionamentos monogâmicos tradicionais.

Contudo, após escrevermos continuamente no assunto, percebemos que os trisais que ganharam atenção da mídia (e consequentemente a nossa atenção) eram, em sua maioria, compostos com um homem duas mulheres. Além disso, a extensa maioria desses relacionamentos eram compostos integralmente por pessoas brancas.

Pesquisa no Google mostra que trisais com relevância midiática são em sua maioria estruturados com duas mulheres e um homem; maioria é branca

É impossível dizer que um relacionamento a três é heteronormativo. Necessariamente, ele será composto por pessoas LGBTQIA+. Mas é interessante refletir o porque alguns relacionamentos ganham mais notoriedade dentro das redes sociais.

A fetichização das mulheres lésbicas e bissexuais é um fato cultural da nossa sociedade patriarcal. O ménage a trois com um homem e duas mulheres cis é alvo frequente de representações na pornografia. Além disso, a extensa maioria dos trisais representados na mídia mostram pessoas brancas e de classe média alta.

O caso reforça algumas reflexões importantes sobre as relações não-monogâmicas. Ainda que essas formas de relacionamento não-normativas quebrem estereótipos frente a estrutura da monogamia dentro da sociedade, é possível perceber alguns padrões se repetindo nesses trisais.

Os debates sobre fetichização das relações entre mulheres e sobre relacionamentos brancos são, claro, do âmbito de cada casal. Mas é importante pensar 1. por que esses casais são o de maior visibilidade dentro da mídia? e, partindo desse questionamento, é possível formular algumas hipóteses:

Os relacionamentos a três são mais possíveis para pessoas brancas ou com lógicas de fetichização? Ou os relacionamentos a três entre pessoas negras e entre dois homens ou pessoas trans não são mostrados pela imprensa?

Existem uma série de intelectuais que pensam que pessoas privilegiadas tem relacionamentos não-monogâmicos facilitados por suas condições sociais. Além disso, essas formas poliamorísticas de relação também podem continuar opressões sistemáticas da sociedade.

Trisais de influenciadores colecionam milhares de seguidores nas redes sociais

Por outro lado, sabemos que existe diversidade dentro das relações não-mono e queremos ouvir (e publicar!) mais histórias sobre relações não-mono com pessoas não-brancas, PcDs e LGBTQIA+ dentro de trisais.

Por isso, pedimos que você que faz parte de um trisal com pessoas diversas e que fogem da estrutura de um homem e duas mulheres conte sua história nas nossas redes sociais (@hypeness no Instagram e no Twitter) ou no e-mail redacao@hypeness.com.br.

 

Publicidade

Fotos: Foto 1: Google Foto 2: Reprodução/Instagram


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Canais Especiais Hypeness