Inspiração

Fernando Fernandes, ex-‘BBB’ e apresentador do ‘No Limite’, diz estar vivo por causa do medo

18 • 05 • 2022 às 09:09 Redação Hypeness
Redação Hypeness Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

O ex-BBB Fernando Fernandes, agora apresentador do “No Limite“, é um cara apaixonado por desafios. O paratleta paulista é tetracampeão mundial de paracanoagem e está sempre em busca de aventuras e testar limites. Mas assume: “Se você perguntar para mim: ‘pô, você sente medo?’ Eu sinto muito medo“.

Em entrevista ao Fantástico, que convidou Fernando a saltar de um avião e sobrevoar as Cataratas do Iguassú, ele disse que esse mesmo medo que o matém vivo. “Eu também fui aprendendo que essa administração do medo. Essa administração do risco é o que me mantém vivo. Eu tive momento onde eu não sabia como lidar com o novo corpo, com uma nova forma de viver. Eu tive que ir criando esses meios, essas oportunidades”, afirma Fernando, citando também o acidente que o deixou em uma cadeira de rodas, em 2009.

—Se você tem medo de altura, não veja essas fotos

A nova temporada do reality show ‘No Limite’ começou de cara nova. Fernando passou a comandar a atração, substituindo André Marques. Ele já tinha passado pela Globo na segunda edição do ‘Big Brother Brasil’, em 2002. Depois disso encarou a carreira esportiva de frente, passando pelo futebol profissional e pelo boxe amador.

—Roupa de mergulho flutuante ajuda pessoas a superar medo da água

A reviravolta na vida de Fernando Fernandes, que também atuava como modelo, aconteceu em 2009, quando um acidente de carro em São Paulo fez com que ele quebrasse duas vértebras. Mesmo depois de muitas cirurgias, ele seguiu paraplégico e passou a se adaptar ao novo estilo de vida.

“Fiz uma campanha da Dolce&Gabbana que foi lançada 15 dias depois da minha lesão. Pelo nível, fotografado pelo Mario Testino ao lado de grandes modelos, eu me tornaria o modelo mais requisitado. E aí, de repente, isso mudou. Quando ainda estava no hospital de reabilitação, três meses depois do acidente, o dono de uma empresa de cadeira de rodas me convidou para que fizesse a campanha de sua marca”, relembra em entrevista à GQ Brasil.

Fernando se encontrou no paratletismo e se especializou na canoagem – que lhe rendeu quatro prêmios, o tornando tetracampeão mundial na modalidade. Hoje com 41 anos, encara apresentar o “No Limite”.

Publicidade