Debate

Menino de 4 anos rouba carro da mãe para passear e bate em dois veículos

Vitor Paiva - 04/05/2022 às 10:01

Um menino de apenas 4 anos, ironicamente apontado pela mãe como “altamente empreendedor”, despertou no sábado do dia 30 de abril com vontade de passear: sem titubear nem incomodar sua mãe, vestindo pijamas e de pés descalços, ele encontrou a chave do carro da família e, por conta própria, saiu sozinho para dar uma volta dirigindo pelas ruas da cidade holandesa de Utrecht. Depois de rodar pelo bairro onde mora e bater em dois carros estacionados, o menino foi encontrado caminhando sem a companhia de nenhum adulto e sem qualquer ferimento pela polícia, que havia recebido ligações dos moradores, divulgando a emergência.

-Pai passa direção para criança de 11 anos em rodovia de SP e é parado pela polícia

Enquanto o pequeno recebia atendimento e era levado para a delegacia da cidade de Utrecht, localizada no distrito de Overvecht, na região central da Holanda – onde recebeu chocolate quente e um ursinho de pelúcia pra lhe fazer companhia – uma patrulha recebeu o aviso de que um carro havia sido abandonado nas redondezas, no local de um pequeno acidente, após colisão com outros dois veículos. Quando telefonaram para a proprietária do veículo encontrado, a polícia chegou rapidamente a conclusão que se tratava da mãe do menino – e mais: que ele era o motorista fantasma.

-A história do carro que foi removido após ficar 47 anos estacionado no mesmo lugar

“Ela falou com a criança ao telefone, e nós o vimos imitando uma colisão e fazendo o movimento da direção com as mãos. Isso fez com que suspeitássemos que ele poderia ter dirigido”, revelou um policial, que acompanhou a mãe e o menino até o local do acidente, onde encontraram-se com o pai. “No carro, perguntamos se ele sabia nos mostrar como funcionava. Ele abriu o carro, colocou a chave na ignição, ligou o carro, moveu o pé esquerdo até a embreagem, e pisou no acelerador”, confirmou a polícia, em um post no Instagram.

-Filha de Gugu reclama de não poder ter um Porsche e acusa tia: ‘Queria muito um carro’

De acordo com o relato, intitulado, no post, “Novo Max Verstappen descoberto em Overvecht” – em referência ao piloto holandês, atual campeão mundial na Fórmula 1 –, o menino saiu para o “passeio” bem cedo, após o pai sair para o trabalho, e sem que a mãe percebesse nada. “Felizmente, a aventura deste mini motorista chegou ao fim sem maiores problemas”, acrescentou a polícia, que pediu aos pais que passassem a esconder muito bem as chaves do carro.

Publicidade

© fotos: Police Ultrecht North/reprodução


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, Vitor Paiva é doutor em Literatura, Cultura e Contemporaneidade pela PUC-Rio. Autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores, publica artigos, ensaios e reportagens.

Canais Especiais Hypeness