Sustentabilidade

Frio será bem intenso a semana inteira; SP amanheceu hoje com 2º C e geou em Mato Grosso do Sul

13 • 06 • 2022 às 13:29
Atualizada em 13 • 06 • 2022 às 15:03
Redação Hypeness
Redação Hypeness Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

A semana que antecede a chegada do inverno deve ser de frio intenso em toda a região Centro-Sul do país.

A chegada de uma frente fria no final da semana passada derrubou as temperaturas e boa parte do Brasil, especialmente no Sul e no Sudeste.

Baixas temperaturas em São Paulo fizeram o fim de outono se parecer (e muito) com o inverno

Frio intenso e geada

Contudo, não foi somente nessas regiões que o frio acabou sendo severo. Em Mato Grosso do Sul, mínimas extremamente baixas e geada foram registradas. As cidades de Iguatemi, Ponta Porã, Rio Brilhante (com mínima de 2,0º C), Sidrolândia, Dourados , Ribas do Rio Pardo e Água Clara presenciaram chuvas congelantes que prejudicam a qualidade das plantações.

No Nordeste, a tendência é que as fortes chuvas continuem e possam até se intensificar. Além disso, as defesas civis de diversas cidades litorâneas aguardam ressaca forte ao redor da costa brasileira.

Em São Paulo, nesta segunda-feira (13), as regiões mais ao sul da cidade chegaram a registrar temperaturas entre 2º C e 4º C, em especial nos bairros de Colônia, Parelheiros e Marsilac.

Já em Curitiba, capital mais fria do Brasil, a mínima esperada é de 2º C e especialistas enxergam risco de geada na capital paranaense. Florianópolis deve ser a capital mais quente do Sul, com máxima de 15ºC e mínima de 9ºC.

Mapa do Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas mostra temperatura em cada bairro da capital paulista

Quando volta o calor? 

Quando as temperaturas voltam a subir? De acordo com os especialistas, somente a partir do fim de semana podemos voltar a ter um clima mais agradável ao redor do Centro-Sul.

E por que faz tão frio? Basicamente, uma massa de ar polar oriunda da Antártica avançou pelo continente e diminuiu as temperaturas. Em regiões mais altas, como a Serra do Mar (no sul da capital paulista), e na Serra Gaúcha, faz ainda mais frio por conta da baixa pressão atmosférica.

O frio destas semanas não tem sido tão intenso como em maio por conta da tempestade extratropical Yakecán, que intensificou o avanço do ar polar naquelas semanas.

Publicidade

Fotos: Foto 1: Getty Images Foto 2: CGE


Canais Especiais Hypeness