Estilo

Ela virou hit na internet transformando peças antigas e estranhas em roupas incríveis

25 • 07 • 2022 às 21:20
Atualizada em 28 • 07 • 2022 às 09:45
Karol Gomes
Karol Gomes   Redatora Karol Gomes é jornalista e pós-graduada em Cinema e Linguagem Audiovisual. Há cinco anos, escreve sobre e para mulheres com um recorte racial, tendo passado por veículos como MdeMulher, Modefica, Finanças Femininas e Think Olga. Hoje, dirige o projeto jornalístico Entreviste um Negro e a agência Mandê, apoiando veículos de comunicação e empresas que querem se comunicar de maneira inclusiva.

Ao longo dos anos, o brechó tem se tornado, além de uma alternativa para encontrar peças únicas de moda, mas também para ajudar a diminuir o consumo e a produção em massa das fast-fashion que prejudicam o meio ambiente. 

Mas nem sempre é tão fácil encontrar o que procura entre garimpos – sempre tem um tamanho muito maior ou um detalhe que não agrada, como uma manga bufante. Mas nada que não possa ser resolvido, como prova Sarah Tyau, designer de moda e mãe de três filhos, que ficou famosa por pegar roupas velhas ou indesejáveis ​​e transformá-las em looks adoráveis ​​para ela e sua família. 

– Garotinho abre brechó para pessoas de baixa renda onde tudo custa menos de 10 dólares

O site BoredPand fez um compilado das melhores transformações feitas por Sarah e falou com ela sobre inspirações para mudar as peças ou, às vezes, criar outras do zero com os tecidos dos achados em brechó. À primeira vista, pode-se supor que Sarah é formada em moda ou cresceu fazendo suas próprias roupas desde tenra idade, mas na verdade ela é autodidata.

– Brechó Replay transforma moda de reuso em arte engajada

“Sendo uma dona de casa para 3 filhos, o tempo é muito limitado, então eu não refino minhas habilidades tanto quanto eu quero, mas quero ter aulas em breve”, disse ela. “Meu objetivo é costurar um estilo mais sofisticado, elaborado, de alta costura e ser capaz de fazer qualquer desenho difícil que eu pensar na minha cabeça”. 

Não é a toa que a sua página no Instagram é extremamente popular, acumulando quase 300 mil seguidores que estão em busca de dicas de costura e inspiração de remodelação. Ela compartilha inúmeras fotos de suas transformações de roupas extremamente impressionantes, bem como seu processo para criar alguns dos looks, incluindo roupas que estavam mofando em seu armário. 

– Afropunk: a força de um movimento que impactou a moda e o comportamento em escala global

Quando se trata do processo de Sarah, ela diz que a inspiração surge com extrema rapidez. “Levo de 15 a 30 segundos olhando para a peça de roupa para ter uma visão na minha cabeça de como quero que a peça finalizada seja. Dentro desse tempo, estou segurando a peça na minha frente, balançando para sentir como o tecido se move e olho para todas as partes que não gosto nele e as partes que gosto e quero. manter, e então eu recebo essa visão automaticamente em minha mente”. 

– 15 brechós em São Paulo para renovar o guarda-roupa com consciência, estilo e economia

Sarah também certamente sabe equilibrar muitas coisas ao mesmo tempo, entre ser mãe, designer de moda, blogueira e gerente das próprias mídias sociais. Mas ela tem planos ainda maiores para o futuro. Ela deseja criar sua própria linha de roupas e doar os lucros para crianças carentes.

Já quando a questão é aconselhar as pessoas que tentam reduzir suas compras de moda e reduzir sua contribuição para o desperdício de roupas, ela compartilhou: “Meu conselho para limitar seu impacto é comprar peças mais atemporais e clássicas e misturá-las com algumas peças da moda. aqui e alí. Assim você não joga fora tantas roupas e nem sempre precisa comprar constantemente para ficar na moda. Faça também uma troca de roupas com seus vizinhos, amigos ou outros grupos.”

Publicidade

Fotos: Reprodução / Instagram @sarahtyau


Canais Especiais Hypeness