Inspiração

Milhas pela vida das mulheres: ajude mulheres a abortarem legalmente em tempos sombrios

18 • 07 • 2022 às 10:21
Atualizada em 20 • 07 • 2022 às 09:50
Redação Hypeness
Redação Hypeness Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

O direito reprodutivo das mulheres tem sido duramente atacado em diversas partes do ocidente. O fim do aborto constitucionalmente garantido nos EUA e a proibição já instaurada em quase metade dos estados americanos simboliza um ataque direto aos corpos das mulheres.

No Brasil, assistimos com desespero as frequentes tentativas de criminalizar os raros casos em que o aborto é legal no país, como o caso da menina de 11 anos de idade que foi pressionada pela Justiça e pelo MP a manter uma gestação causada por um estupro.

O programa Milhas pela Vida das Mulheres busca dar suporte para pessoas em vulnerabilidade econômica que precisam interromper uma gestação sem violência ou criminalização

O grupo Milhas pela Vida das Mulheres luta pelos direitos reprodutivos financiando viagens para mulheres em vulnerabilidade social que precisam interromper sua gravidez. Elas viajam para um país onde o aborto é legalizado e fazem o procedimento de forma legal e segura.

– Estas empresas vão ajudar mulheres a abortarem nos EUA com suporte de saúde seguro

“Totalmente financiada por doações individuais e amparada pela lei brasileira e pelos princípios de direito internacional, a ação do MILHAS promove a legalidade e diminui a incidência de crimes, ao mesmo tempo em que arranca as mulheres brasileiras das estatísticas mórbidas do aborto inseguro”, explica o grupo através de seu manifesto oficial.

“Com a sua doação, o MILHAS garante a viagem, a estadia e o procedimento para mulheres em situação de vulnerabilidade socioeconômica: desde o GRU de emissão do passaporte e até a vacina de imunoglobulina pra quem precisa”, completa.

– A misoginia como método: mídia, justiça e medicina na cruzada contra os direitos das mulheres

Mulheres de qualquer classe social podem pedir orientações para realizar o aborto e o Milhas promete acolhimento e segurança para todas.

Publicidade

Fotos: Reprodução/Milhas pela Vida das Mulheres


Canais Especiais Hypeness