Arte

Museu das Culturas Indígenas é inaugurado em São Paulo

08 • 07 • 2022 às 10:05 Redação Hypeness
Redação Hypeness Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

O Museu das Culturas Indígenas foi inaugurado na cidade de São Paulo. O espaço, localizado ao lado do Parque da Água Branca, na Barra Funda, busca dar espaço para as obras artísticas e para as culturas das mais de 300 etnias indígenas que habitam o nosso país.

Museu busca mostrar culturas dos povos originários; gestão será conduzida por indígenas

O local é gerido por indígenas através do Conselho Indígena Aty Mirim e é protagonizado pelos povos originários. Além de exposições artísticas, ele disponibilizará atividades educativas e pedagógicas.

No espaço, há centros de pesquisa e referência, auditório, administrativo e reserva técnica, além de espaço para exposições de longa e curta duração.

– Sandra Benites, 1ª curadora indígena de museu do Brasil, diz não sentir mais medo

“Eu vejo o Museu das Culturas Indígenas como uma grande escola, uma escola viva, que vai dialogar sobre história, arte, sobre cultura e as diversas formas de se pensar e transmitir conhecimentos, saberes e fazeres tradicionais, que até hoje não são dialogados dentro das escolas”, afirmou Cristine Takuá, diretora do Instituto Maracá e membro do Conselho Indígena Aty Mirim.

“É também um espaço de aprendizagem. Um museu para vencer preconceitos, afirmar a identidade indígena e gerar harmonia plena. Todos os não-indígenas temos muito a aprender com a visão de mundo e as culturas indígenas. O primeiro passo é o respeito; o segundo, visitar este museu com a mente e o coração abertos”, explica Sérgio Sá Leitão, secretário de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo.

O Museu recebeu aporto financeiro do Governo do Estado de São Paulo e agora faz parte da rede de museus estaduais.

Serviço

Museu das Culturas Indígenas

Terça a domingo, das 9h às 18h

Quinta-feira, das 9h às 20h

Ingresso: R$ 15 e R$ 7,50 (meia-entrada). Indígenas não pagam ingresso. A entrada é grátis na quinta-feira.

Publicidade

Fotos: Reprodução/Facebook/Museu de Culturas Indígenas


Canais Especiais Hypeness