Criatividade

O experimento que fez a Pepsi a descobrir porque a Coca vendia mais

06 • 07 • 2022 às 10:06 Redação Hypeness
Redação Hypeness Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Estudos científicos já mostraram que Pepsi e Coca-Cola possuem composições químicas extremamente similares. Mas por que nós, humanos do capitalismo, preferimos uma marca a outra? Ou será que existe algum segredo na fórmula que faz com que a Coca-Cola seja realmente a preferida do público?

Desde os anos 1950, essas empresas estão concorrendo duramente para quem toma a liderança do mercado de bebidas gaseificadas não alcoólicas nos EUA e no mundo. A Coca-Cola sempre manteve a ponta, dominando a venda de refrigerantes em diversos locais do mundo.

Coca-Cola e Pepsi duelam por mercados globais de consumo de bebida gaseificada

Nos anos 1970, a Pepsi conduziu testes cegos para descobrir qual era o melhor refrigerante. A esmagadora maioria preferia a Pepsi. Contudo, a Coca dominava as vendas.

Anos depois, neurocientistas decidiram conduzir testes e fazer experimentos com ressonância magnética para descobrir o que poderia justificar esse processo.

Ao avaliar a reação dos estudados, os pesquisadores descobriram que, na verdade, as pessoas tinham reações emocionais ao entrar em contato com o branding da Coca-Cola. A associação da marca com sensações positivas foi notada pelos cientistas.

“Realizamos uma série de testes cegos de sabor e com conhecimento de marca. Nos testes de sabor, não encontramos influência significativa do conhecimento da marca para a Pepsi. No entanto, há um efeito dramático do rótulo da Coca-Cola na preferência comportamental dos indivíduos. Apesar do fato de que havia Coca-Cola estava em todos os copos durante o teste cego, os indivíduos nesta parte do experimento preferiram Coca-Cola nos copos rotulados significativamente mais do que Coca-Cola sem marca e significativamente mais do que Pepsi”, explica o texto.

O estudo somente reforça o que já se sabia sobre o marketing da Coca-Cola. As propagandas de Natal, os patrocínios a eventos esportivos e todas as formas de prospecção da marca da empresa de bebidas afeta a nossa decisão de compra. E você, que está lendo, deve preferir Coca do que Pepsi também.

Além disso, a Coca foi o primeiro refrigerante de diversos locais do planeta. Na Alemanha de 1933, durante o nazismo, a empresa invadiu o mercado alemão – que considerava os refris coisa de criança -, e conseguiu transformar a Coca-Cola em item essencial. A Fanta, inclusive, foi inventada no Terceiro Reich pela empresa, durante uma falta de estoque para fazer a bebida sabor cola. O marketing é poderoso, domina mercados e altera a nossa cabeça.

Publicidade

Canais Especiais Hypeness