Debate

Quem foi o fotógrafo que registrou a intimidade de Pablo Escobar e como ele conseguiu este feito

27 • 07 • 2022 às 15:55 Redação Hypeness
Redação Hypeness Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Imagine passar boa parte de sua vida ao lado de um dos criminosos mais perigosos do mundo. Você fotografa toda a intimidade de Pablo Escobar e do Cartel de Medellín. Registra toda sua relação com os bandidos locais e a vida privada daquele traficante. Talvez o sonho de um fotojornalista. Mas essa foi a vida de El Chino.

Esse é o apelido de Edgar Jiménez, fotógrafo pessoal de Pablo Escobar que viveu anos com o criminoso. Ele lançará suas fotos no livro ‘El Chino: La vida del Fotógrafo Personal de Pablo Escobar’ (em tradução livre “O chinês: a vida do fotógrafo pessoal de Pablo Escobar”)

Um dos registros do fotógrafo Edgar “El Chino” Jiménez da vida de Pablo Escobar

Chino e Escobar estudaram juntos na faculdade. Anos depois, eles se reencontraram. Pablo já iniciava sua fortuna, no início dos anos 1980, e Pablo o convidou o fotógrafo para fotografar seus animais na Fazenda Nápoles.

A Fazenda Nápoles era um local onde Pablo mantinha mais de 1500 espécies de animais de todos os continentes do mundo. O criminoso era aficionado por animais: ele é o responsável pela presença de hipopótamos na natureza da América do Sul até os dias de hoje.

Jiménez então foi contratado para o serviço e, entre 1980 e 1992, trabalhou como fotógrafo pessoal de Pablo Escobar. E ele não se arrepende nenhum pouco de ter feito este trabalho. “O narcotraficante não era eu”, afirma Jiménez. “Eu estava desempenhando uma atividade legal, que era a fotografia.”

Ele afirma que foi muitas vezes questionado sobre o lado ético de receber dinheiro de um homem que lucrava com o tráfico de drogas e com a morte.

– Sobrinho de Pablo Escobar encontra R$ 100 milhões em antigo apartamento do tio

“Havia conivência com os narcotraficantes. Eles geravam emprego, negócios e ajudavam muita gente”, destaca Jiménez. “E os políticos que mantinham campanhas financiadas por Pablo nunca se perguntaram de onde vinha esse dinheiro”, completou.

 

Publicidade

Fotos: Reprodução/The Washington Post/Edgar Jiménez/El Chino



Warning: array_map(): Expected parameter 2 to be an array, bool given in /var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/part/publicidade/outbrain.php on line 2

Warning: array_intersect(): Expected parameter 2 to be an array, null given in /var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/part/publicidade/outbrain.php on line 11

Canais Especiais Hypeness