Arte

Agenda Hype: festivais de cinema, de música e 24 dicas culturais para curtir na semana

16 • 08 • 2022 às 20:13
Atualizada em 18 • 08 • 2022 às 10:22
Gabriela Rassy
Gabriela Rassy   Redatora Jornalista enraizada na cultura, caçadora de tendências, arte e conexões no Brasil e no mundo. Especializada em jornalismo cultural, já passou pela Revista Bravo! e pelo Itaú Cultural até chegar ao Catraca Livre, onde foi responsável pelo conteúdo em agenda cultural de mais de 8 capitais brasileiras por 6 anos. Roteirizou vídeo cases para Rock In Rio Academy, HSM e Quero Passagem, neste último atuando ainda como produtora e apresentadora em guias turísticos. Há quase 3 anos dá luz às tendências e narrativas culturais feministas e rompedoras de fronteiras no Hypeness. Trabalha em formatos multimídia fazendo cobertura de festivais, como SXSW, Parada do Orgulho LGBT de SP, Rock In Rio e LoollaPalooza, além de produzir roteiros, reportagens e vídeos.

Já descansou e quer mais? Então chega junto que essa agenda da semana vai garantir boas doses de cultura para a sua semana. Destaque para o show da rapper africana Sampa The Great, que chega pela primeira vez ao Brasil com apresentações em São Paulo e Rio de Janeiro e shows de abertura de Bebé (SP) e NINA (RJ).

Começa em São Paulo e online para todo o mundo o Kinoforum, festival dedicado aos filmes em formato de curta-metragem. São quase 200 filmes, entre eles uma mostra especial dedicada ao centenário de nascimento Pier Paolo Pasolini. A cidade recebe ainda a Noite Friccione com shows de Assucena, Linn da Quebrada e Jup do Bairro.

No Rio de Janeiro acontece mais uma edição do TIM Music Festival, com shows gratuitos de Silva, Teresa Cristina, Preta Gil, Fran Gil (do grupo Gilsons) e a dupla Manifesto Tropical, formada por Lúcio Mauro Filho e Pedro Baby, tudo na Praça Mauá.

Vem na minha!

#festivais e shows

Sampa the Great
Áudio SP – quarta, 17, 21h
Circo Voador RJ – quinta, 18, 21h
A partir de R$140
Em sua primeira incursão pelo Brasil, Sampa The Great apresenta o show de seu premiado álbum de estúdio, “The Return”. Para compor as noites, o Queremos! convidou artistas da cena musical contemporânea brasileira. Em São Paulo, o evento começa com a talentosíssima Bebé, que lançou seu primeiro disco autoral ano passado. A pista paulistana fica por conta da festa Discopédia e do DJ Tamenpi (Só Pedrada Musical). Já no Rio, N.I.N.A, que acaba de lançar “Pele”, seu álbum de estreia, abre a noite, que tem discotecagem da festa Tropicals e do DJ Nepal.

Orquestra Sinfônica Brasileira 82 anos
Grande Sala da Cidade das Artes Bibi Ferreira
Dia 17 de agosto, quarta, às 19h30
A partir de R$35
A Orquestra Sinfônica Brasileira comemora seus 82 anos em um concerto especial com obras dos brasileiros José Siqueira e João Guilherme Ripper e do inglês Gustav Holst. A condução estará a cargo do maestro convidado Stefan Geiger. Fundada em 1940, a Orquestra Sinfônica Brasileira é considerada um dos conjuntos sinfônicos mais importantes do país.

Noite Friccione – Assucena, Jup do Bairro e Linn da Quebrada
Cine Joia SP
Sexta-feira, 19 de Agosto, 22h
R$60 – meia; E$120 – inteira/3o Lote
O evento celebra o lançamento da Friccione Produções, agência de produção cultural e gestão de carreira liderada por Thiago Felix, produtor executivo e comunicólogo. No line up da noite, a Fric colocará no palco todo o seu casting, contando com os shows de Assucena, Jup do Bairro e Linn da Quebrada.

Festival Instrumental Nacional (FINA)
Praça Maria Aragão – São Luís (MA)
Dias 19, 20 e 21 de agosto
Grátis
Para celebrar a diversidade da nossa música instrumental, a 1ª edição do FINA reúne alguns dos maiores músicos do país e, quiçá, do mundo. No line-up, Wagner Tiso, Hamilton de Holanda, Jaques Morelenbaum e Toninho Ferragutti, além de netos de Villa-Lobos, filhos de Tom Jobim e sobrinhos de Pixinguinha, entre outros.

ROHMA – Show de lançamento do disco “@rroboboy”
Audio Rebel RJ
Dia 19/08, sexta-feira, às 20h
R$ 50 (inteira) e R$ 25 (meia entrada) – Antecipados via Sympla, aqui.
Está chegando a hora de o público carioca conferir todo o hibridismo que caracteriza a personalidade e a sonoridade de ROHMA. Radicado há 20 anos no Brasil, o cantor e compositor italiano acaba de lançar “@rroboboy”, terceiro disco de carreira. O show ainda terá as participações dos Jonas Sá e Thiago Nassif, que assinam a produção do disco, em parceria com Binho Manenti. A noite será compartilhada com o artista pernambucano Gigante César, que se apresenta na sequência.

Lançamento do “Mbora Cast”
Fabrique Club
Sábado, 20 de agosto, a partir das 21h
Grátis
O Mbora Fest, festival que teve uma primeira edição de respeito em São Paulo e chega para apresentar uma diversidade de gêneros musicais dançantes, faz uma edição comemorativa de lançamento do “Mbora Cast”, programa também dedicado à música. O videocast, que é apresentado pela cantora e atriz Naiá Camargo, já recebeu nos estúdios de gravação nomes como Isis Broken, Preta Ferreira, Zudizilla, Nego Bala, Felipe S, Alessandra Leão, Carola, Mateus alves, Xavier, Lurdez da Luz e Mauro Farina. O baile pesadão neste fim de semana tem no line up Rap Plus Size, RDD (Rafa Dias), Ubuntu, Th4ys, Lys Ventura, Val Pescador e Pita Uchôa.

Jairo Pereira lança “Monocromático”
SESC Belenzinho
Sábado, 20, 20h30
R$ 40 (Inteira)
Escancarado aos nossos olhos, a pirâmide social carrega em seu topo um grupo homogêneo, de apenas uma só cor. Jairo Pereira vem para destruir essa estrutura racista por meio de rima e poesia no álbum “Monocromático”. Na mesma data, o show de lançamento para conhecermos o trabalho que tem referências no Samba, Pagode, Soul Music e Black Music.

TIM Music Festival
Praça Mauá
Dias 20 e 21 de agosto, das 17h às 22h
Grátis
O festival atraca no coração da Região Portuária do Rio de Janeiro. O final de semana de shows gratuitos contará com apresentações de Silva, Teresa Cristina, Preta Gil, Fran Gil (do grupo Gilsons) e a dupla Manifesto Tropical, formada por Lúcio Mauro Filho e Pedro Baby. Além dos shows principais, o TIM Music contará com uma programação de DJs que agitam a noite carioca. Antes e depois das apresentações, o público continuará embalado por boa música, transformando a Praça Mauá em uma grande pista de dança. No dia 20 as carrapetas serão comandadas pelo DJ Rodrigo Penna, criador da festa ‘Bailinho’. Já dia 21 quem ficará à frente será a DJ Helen Sancho.

Teresa Cristina | Foto: Fernanda Garcia

—Leia também: Mais de 20 festivais de música pelo Brasil para se programar até o fim do ano

#música

USHAN | Banho de Lua
Conheça a psicodelia, experimentalismo e eletrônica de USHAN, projeto da multi artista Lorena Hollander que lança seu disco de estreia solo. “Banho de Lua” é um mergulho no sagrado feminino e um convite de reconexão com o eu interior e o mundo à nossa volta. Não por acaso, o álbum tem equipe expressiva formada por mulheres, com destaque para a participação especial da liderança indígena Edina Shanenawa.

Marcelo Tofani | Certificar
Assim como comenta na introdução da faixa, o artista mineiro Marcelo Tofani canta fininho e faz estilo Bee Gees em “Certificar”, single que chega aos aplicativos de streaming de áudio hoje, 09 de agosto, e que abre o processo de lançamento do seu primeiro disco-solo, previsto para o segundo semestre de 2022. O trabalho sai pelo selo AQuadrilha, encabeçado pelo rapper conterrâneo Djonga. “Certificar” ganha também um videoclipe no canal de YouTube do cantor e compositor.

Filarmônica de Pasárgada | PSSP
O novo álbum do grupo paulistano nasce com 14 canções inéditas inspiradas na história da cidade de São Paulo. As faixas do disco abordam diversos aspectos ligados à metrópole paulista, ora de modo mais factual, ora de modo mais onírico, por vezes com ironia e humor: a sua fundação na colina histórica pelos jesuítas no século XVI, a economia do café, a desigualdade social, o drama da Cracolândia, a recorrente crise hídrica, a poluição, o descaso em relação aos rios da cidade, o machismo e o racismo impregnados no desenvolvimento urbano de São Paulo são alguns dos temas que atravessam o álbum.

Tracajazz | Puro Veneno em Pessoa
Após 7 meses de processo, entre ensaios seguidos e composições, Tracajazz grava o álbum de inéditas “Puro Veneno em Pessoa”. São 8 canções, que, de um modo geral, reagem ao sistema incivilizatório, também violento, que se impõe sob vários disfarces e propõem a pílula do despertar. “Fizemos um disco que fosse uma explosão, uma reação desordenada. Uma resposta aos que tentam colocar o povo dentro de suas caixinhas, cada vez mais apertadas. Não cabe mais. Explodiu!”. O projeto é lançado sob o selo do Mato Records.

Siso | Vestígios
Em seu terceiro álbum solo, Siso resgata pérolas dos anos 2000 e 2010. Intitulado “Vestígios”, o disco é quase um trabalho jornalístico de resgate e difusão de obras que ficaram perdidas em catálogos que sumiram durante a transição da tecnologia. Até o momento, foram apresentadas ao público quatro releituras: “O Homem-Pássaro”, canção original de Paralaxe que ganhou uma versão intensa e explosiva; “Cor de Jasmim”, originalmente gravada pelo projeto mineiro Umrio; “Lanny”, original do duo greco-brasileiro Os Amantes Invisíveis; e “Nada Além”, da banda acreana Los Porongas.

#cinema

33º Festival Internacional de Curtas de São Paulo – Kinoforum
Diversas salas de cinema e online
De 18 a 28 de agosto
Grátis
O 33º Festival Internacional de Curtas Metragens de São Paulo – Curta Kinoforum é um dos maiores e mais tradicionais eventos dedicados ao formato do curta. Ao todo, a programação abraça quase 200 filmes, entre eles uma mostra especial dedicada ao centenário de nascimento Pier Paolo Pasolini (1922-1975), conhecido por longas como “Mamma Roma”, “Teorema”, “Gaviões e Passarinhos” e “Decameron”. Destaque para “Fogo Baixo, Alto Astral”, da atriz-cineasta Helena Ignez, “Heroicas”, do documentarista Evaldo Mocarzel com o dramaturgo Newton Moreno, “Fim”, de José Roberto Torero, “Selfie”, de Alex Sernambi, e “A Última Praga de Mojica”, de Eugenio Puppo com Pedro Junqueira, Matheus Sundfeld e Cédric Fanti. Nas estreias, vale assistir “Corpo Celeste”, com Maria Ribeiro e Fernando Alves Pinto.

Belas Sonoriza | centenário de “Nosferatu”
Petra Belas Artes
Domingo, 21 de agosto, às 14h, 16h30 e 19h (último horário disponível)
R$ 60 (inteira)
O evento que une música e cinema, com filmes sonorizados ao vivo, celebra o centenário de “Nosferatu” (1922), clássico do terror de Friedrich Wilhelm Murnau. O longa ganha trilha sonora ao vivo da banda Radiohead Cover Brasil, com as músicas dos álbuns Kid A (2000) e Amnesiac (2001) da banda britânica Radiohead.

Festival de cinema
Cine Marquise SP
Entre os dias 18 e 24/08 – às 14h e 20h
R$ 26 (inteira) / R$ 13 (meia) + pipoca grátis
O público paulista pode conferir filmes clássicos e atuais em uma sala exclusiva do Globoplay no Cine Marquise. A programação vai desde a comédia “O Palestrante”, atual trabalho do ator Fábio Porchat que está em cartaz, a “Bacurau”, clássico recente dos diretores Kleber Mendonça e Juliano Dornelles que concorreu à Palma de Ouro em Cannes, passando por “O Auto da Compadecida”, de Guel Arraes inspirado no texto de Ariano Suassuna, e “Os Normais”, adaptação da série de TV com Luis Fernando Guimarães e Fernanda Torres, que serão exibidos em versão remasterizada. “Marighella”, primeira direção de Wagner Moura que foi eleito o melhor longa de ficção do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro em 2022, e “Pluft, o Fantasminha”, primeiro live action brasileiro em 3D, também fazem parte do festival.

#visuais

Arte na Praça – Colorindo e ocupando espaços 
Praça Sandro Moreira (flamengo/RJ)
De 19 e 21 de agosto, sexta a domingo
Grátis

Para ajudar a transformar a Praça Sandro Moreira em uma verdadeira galeria de arte a céu aberto e desenvolver o elo entre arte, cultura e esporte, a equipe do Revitaliza Graffiti, com artistas Márcio SWK, Fins e Bili Gebara à frente do projeto, reúne mais de vinte artistas com diferentes linguagens e referências artísticas para compor a pintura de um muro de 150 metros. Também acontece uma oficina presencial sobre técnicas de grafitti para jovens do Morro Azul e alunos do Cemasi, projeto social que oferece atividades para crianças.

Festival Supernova
Edifício da Caixa Mútua de Pensões Vitalícias SP
Até 30 de agosto | das 10h às 18h
Grátis
Imóveis centenários no Centro Histórico de São Paulo se preparam para receber um vasto conteúdo de arte e cultura. O primeiro a receber a mostra composta por cinco telas inéditas, produzidas exclusivamente para a mostra, será o Edifício da Caixa, situado ao lado do prédio da Caixa Cultural. Cinco exposições de arte, fotografia e moda estão programadas para acontecer até o final do ano e o público poderá participar durante os lançamentos de talks que visam debater sobre temas diversos da cultura urbana e um Happening com artistas da cena musical. Com toda essa importância histórica a primeira exposição tem curadoria e participação do artista plástico e grafiteiro Binho Ribeiro que irá expor sua obra interagindo com um lugar clássico e o moderno do grafite com cores, texturas e nuances tudo dialogando de forma agradável e desafiadora.

#cênicas

Desmascarados – Uma (des)homenagem aos Reis da Vela do século XXI
Teatro de Contêiner – Rua dos Gusmões, 43, SP
18 de agosto a 18 de setembro, de quinta a sábado, às 20h, e aos domingos, às 19h.
R$30 (inteira) e R$15 (meia-entrada)
No Centenário da Semana de Arte Moderna, a Bendita Trupe presta uma homenagem a Oswald de Andrade (1890-1954), realizando uma desconstrução de O Rei da Vela. O resultado desta pesquisa cênica é DESMASCARADOS, uma (des)homenagem aos Reis da Vela do século XXI. Com direção de Johana Albuquerque, o espetáculo procura responder a pergunta: como seria “O Rei da Vela” de Oswald de Andrade, caso ele o escrevesse nos dias atuais? A Bendita Trupe trabalhou com a criação de cenas a partir de fontes documentais, em processo colaborativo. As cenas surgem de um cruzamento entre os materiais modernistas, o ideário oswaldiano, um olhar sobre a peça e os acontecimentos que atravessam a todos em 2022. É dessa mistura e desta colaboração coletiva que surge este novo texto, Desmascarados, que é construído no corpo dos atores.

#literatura

Axé – O poder de realizar: Mensagens para mudar seu dia
Editora Jandaíra
Axé é movimento, é devir. É a força da criação, que também expande e transforma. É a energia do ciclo da vida. O poder do axé está presente nas páginas deste livro, em 100 mensagens de motivação, transformação e sabedoria que emanam a força do Axé. As mensagens podem ser lidas em ordem ou sorteadas a partir dos números recortáveis da orelha. O livro marca a estreia do Selo Okàn Dúdú. Na língua iorubá, a palavra Okàn significa coração e consciência (conceitos que não se separam). Assim, Okàn Dúdú pode ser traduzido como coração e consciência negra e vai abrigar as obras ligadas a religiões de matriz africana no Selo Sueli Carneiro, coordenado por Djamila Ribeiro.

Quando as espécies se encontram
Editora UBU
Neste livro, Donna Haraway nos convoca a refletir sobre como nós, humanos, dividimos esta Terra com outros seres e organismos não humanos – de bactérias a animais, máquinas e ferramentas – e sobre como nos moldamos uns aos outros. A autora trata de conexões, interações e intra-ações entre espécies companheiras, numa relação natural-cultural. Com uma história marcada pela convivência com a deficiência física de seu pai, que fez das muletas e da cadeira de rodas suas companheiras de jornada, e com seus cães, a filósofa e bióloga estadunidense articula aqui temas como biotecnologia e engenharia genética, domesticação e mercadorização de animais, indústria alimentícia e pandemias, natureza, cultura, feminismo e privilégios de raça e classe.

#gastronomia

Bar Original
Criações que prestam homenagem a endereços clássicos da cidade e receitas que fizeram sucesso entre a clientela em outros tempos serviram de inspiração para o Original criar os novos acompanhamentos para seu premiado chopp. São cinco petiscos, dois pratos, um sanduíche e uma sobremesa que acabam de entrar no cardápio, entre eles manjubinha, marisco, coração e língua escabeche (R$ 13, meia porção/ R$ 25), além de punheta de bacalhau (R$ 40), gorgonzola ao azeite (R$ 11/ R$ 22) e salsichão com picles (R$ 14/ R$ 28), entre outros.

Dona Deôla | Bolo Placa
A Dona Deôla está com quatro novos sabores de bolo placa, tradicional produto da padaria, que é vendido por peso, no formato de uma placa. Entre os sabores estão o bolo de chocolate cremoso, feito sem farinha de trigo – substituído pelo coco ralado na massa – , abacaxi com coco, massa branca recheada com creme e pedaços de abacaxi, folhado de avelã, massa de chocolate folhada recheada de creme de Nutella e o hit ÓREO, massa de chocolate recheada e coberta por brigadeiro branco com pedacinhos de bolacha. O valor é R$ 8,46 (100g).

Era uma vez um Chalezinho – Fondue Vegano
A casa traz mais uma novidade e dessa vez a receita exclusiva não leva nenhum ingrediente de origem animal. A Fondue Incrível by Chalezinho, desenvolvida pelo Chef Cristian Bauer em parceria com a Seara Gourmet®, é totalmente vegana, preparada com queijos provolone e parmesão. Para acompanhar ela é servida com os produtos veganos da linha Incrível: mini kibe, isca de peixe, empanadinho de frango, salsichinhas veganas, tomatinhos sweet grape e brócolis.

Publicidade

Fotos destaque:
Sampa the great por Travys Owen
Teresa Cristina por Fernanda Garcia
Maria Ribeiro em Corpo Celeste/Divulgação