Ciência

Brasileiro de 12 anos descobre dois asteroides e recebe certificado da NASA

19 • 08 • 2022 às 14:40 Vitor Paiva
Vitor Paiva   Redator Vitor Paiva é jornalista, escritor, pesquisador e músico. Nascido no Rio de Janeiro, é Doutor em Literatura, Cultura e Contemporaneidade pela PUC-Rio. Trabalhou em diversas publicações desde o início dos anos 2000, escrevendo especialmente sobre música, literatura, contracultura e história da arte.

O brasileiro Raul Aires recebeu um certificado especial da NASA após descobrir dois asteroides entre os planetas Marte e Jupiter, em uma região conhecida como Cinturão de Asteroides.

A incrível história se revela ainda mais extraordinária pelo fato do astrônomo amador ter apenas 12 anos, e ter usado o computador de sua casa para desbravar os céus e encontrar seus asteroides.

Raul Aires com o certificado especial que recebeu da NASA pela descoberta dos asteroides

Raul Aires com o certificado especial que recebeu da NASA pela descoberta dos asteroides

-Estudante brasileira detecta 46 asteroides e recebe certificado da Nasa pelo feito

Brasileirinho nota 10 

O jovem é aluno de uma escola pública no município de Carpina, no interior de Pernambuco, e acessou imagens de um megatelescópio da agência especial estadunidense no Havaí.

O futuro astrônomo se inscreveu no International Astronomical Search Collaboration, programa que reúne voluntários de todo o mundo para colaborar com a ciência e popularizar a astronomia: após a descoberta, Raul enviou um relatório para a NASA informando localização, tamanho e velocidade dos asteroides.

O jovem utilizou o computador de casa em um programa da NASA para realizar a descoberta

O jovem utilizou o computador de casa em um programa da NASA para realizar a descoberta

-Jovem de MG que descobriu asteroide pode se tornar 1ª brasileira no espaço

As informações foram avaliadas e confirmadas por especialistas, que validaram a descoberta: uma semana depois, o certificado chegou em sua casa, na Zona da Mata pernambucana. “Um aluno de escola pública. Eu ensinei o básico do básico. Ele é autodidata, vai pesquisando e hoje muita coisa ele que me ensina.

Com certeza um orgulho”, afirmou o orgulhoso pai, Júlio Aires, diante do certificado, que passou a ser exibido na sala de casa.

Exemplo de megatelescópio no Havaí, tipo de equipamento que levantou os dados

Exemplo de megatelescópio no Havaí, tipo de equipamento que trouxe os dados para a descoberta

-Como o asteroide mais ameaçador em uma década mobilizou os ‘defensores planetários’

O feito também se tornou motivo de orgulho na escola, e os planos do jovem são de dar continuidade aos estudos astronômicos.

Raul já confirmou que irá começar uma nova caça a asteroides em breve e, para melhorar seus resultados e começar a trilha o caminho que possivelmente o levará à ciência como profissão, o estudante começou uma vaquinha, para conseguir comprar um computador melhor para realizar suas buscas pelo universo.

Os asteroides foram descobertos entre os planetas Marte e Jupiter, na região do Cinturão de Asteroides

Os asteroides foram descobertos entre os planetas Marte e Jupiter, no Cinturão de Asteroides

-O que se sabe sobre o asteroide possivelmente mais valioso do que toda a economia global

O programa da agência espacial estadunidense começou a funcionar no Brasil em 2021, e já contou com mais de 13 mil pessoas participando – poucas, porém, conseguem efetivamente descobrir um asteroide como Raul. Segundo informações da NASA, até agora aproximadamente 1800 asteroides já confirmados foram encontrados por brasileiros.

Publicidade

© fotos 1, 2: Arquivo pessoal/divulgação

© foto 3: Wikimedia Commons

© foto 4: Getty Images