Ciência

Por que os chamados ‘vídeos satisfatórios’ são tão prazerosos de assistir?

05 • 08 • 2022 às 14:47 Vitor Paiva
Vitor Paiva   Redator Vitor Paiva é jornalista, escritor, pesquisador e músico. Nascido no Rio de Janeiro, é Doutor em Literatura, Cultura e Contemporaneidade pela PUC-Rio. Trabalhou em diversas publicações desde o início dos anos 2000, escrevendo especialmente sobre música, literatura, contracultura e história da arte.

Entre os muitos deleites que a internet pode oferecer, pouca coisa é tão prazerosa quanto os chamados “vídeos satisfatórios” – aqueles que mostram simetrias precisas, sons, cores ou movimentos que trazem, como o nome sugere, satisfação extrema a quem assiste. ‘

Mas qual o motivo científico por traz da delícia em ver, por exemplo, encaixes perfeitos, repetições precisas, areias cinéticas, slimes ou outros materiais sendo manuseados?

Cortes em areias cinéticas são fonte de imenso prazer para quem gosta dos vídeo satisfatórios

Cortes em areias cinéticas são fonte de imenso prazer para quem gosta dos vídeo satisfatórios

Caligrafias perfeitas e precisas também se encaixam nesse curioso tipo de prazer audiovisual

Caligrafias perfeitas e precisas também se encaixam nesse curioso tipo de prazer audiovisual

-Fotos retratam a simetria de nadadores e dão inexplicável satisfação a quem vê

A resposta para tanto prazer 

Segundo reportagem do site Canaltech, grande parte desse prazer está na sugestão que o vídeo oferece, como se o expectador estivesse não somente vendo, mas praticando o ato mostrado nos vídeos.

Para além do deleite em ver a organização e o padrão de algumas filmagens, o processo, segundo a matéria, seria semelhante ao de assistir um filme de terror, em que o medo pode vir da ativação de áreas do cérebro que reagem como se estivéssemos vivenciando a situação mostrada.

-A nova mania da internet é assistir a vídeos de pelos encravados sendo extraídos

Apesar de não haver comprovação científica, o médico Marcelo Daudt von der Heyde, psiquiatra e professor da Escola de Medicina da Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR) ouvido pela matéria sugere a hipótese de tais vídeos fazerem bem para nossa saúde cerebral, como uma técnica de redução de estresse e ansiedade.

“Controle de respiração, meditação, atividade física, hobbies, alimentação, entre outras atividades também ajudam a reduzir o nível de estresse”, diz o médico.

-Este vídeo mostra semelhanças nunca vistas antes entre objetos totalmente distintos

Alguns vídeos são enquadrados na categoria do ASMR (Resposta Sensorial Autônoma do Meridiano), que costumam ser definidos por respostas sensoriais de prazer a estímulos audiovisuais.

Para o Dr. Wimer Bottura, psicoteraeuta e presidente da Associação Brasileira de Medicina Psicossomática-ABMP, é possível que o prazer provocado seja, em verdade, alívio, como um relaxamento de uma sugestão de tensão moderada, proporcionados por ritmos repetitivos e sons familiares. Caligrafias perfeitas também provocam esse misterioso prazer audiovisual.

-Estes bolos geométricos são tudo na vida de quem é de virgem ou capricórnio

“É importante fazer essas atividades, afinal de contas, todos nós temos um nível de tensão todo dia. Eu entendo que se a pessoa conseguir dormir ao fazer um pouco dessa atividade, é melhor que tomar um remédio, por exemplo. No entanto, não sei se geram estímulos de prazer. Acredito que geram mais estímulos de alívio, e as pessoas confundem”, diz Bottura. Seja como for, o fato é que tais vídeos causam prazer intenso – e sucesso nas redes na mesma proporção do deleite provocado, com centenas de canais especializados, e milhões de visualizações.

Formações de padrões, como encaixes perfeitos, também "estrelam" os vídeos

Formações de padrões, como encaixes perfeitos, também “estrelam” os vídeos

Os vídeos satisfatórios tornaram-se mania na internet, alcançando milhões de visualizações

Os vídeos satisfatórios tornaram-se mania na internet, alcançando milhões de visualizações

A matéria do site Canaltech pode ser lida aqui.

Publicidade

© fotos: Youtube/reprodução


Canais Especiais Hypeness