Ciência

Tirar meleca do nariz pode ser prejudicial? Entenda o que diz a ciência

16 • 08 • 2022 às 10:06
Atualizada em 17 • 08 • 2022 às 10:59
Vitor Paiva
Vitor Paiva   Redator Vitor Paiva é jornalista, escritor, pesquisador e músico. Nascido no Rio de Janeiro, é Doutor em Literatura, Cultura e Contemporaneidade pela PUC-Rio. Trabalhou em diversas publicações desde o início dos anos 2000, escrevendo especialmente sobre música, literatura, contracultura e história da arte.

Ainda na infância, logo após descobrimos o prazer de colocar o dedo no nariz, costumamos aprender que tirar meleca é falta de educação.

Mas para além das questões de etiqueta, esse hábito inevitável, tecnicamente conhecido como rinotilexomania, pode fazer mal para nossa saúde? O que pode haver por trás de uma prática considerado totalmente natural, mas que é capaz de trazer outros problemas maiores que um simples estigma social ou comportamental?

A maioria dos primatas também pratica o hábito de tirar meleca

A maioria dos primatas também pratica a rinotilexomania, mais conhecida como “tirar meleca”

-Turco com maior nariz do mundo não o trocaria por nada: ‘Eu amo, fui abençoado’

Essas perguntas foram respondidas por artigo publicado na revista acadêmica The Conversation e republicado pela BBC, que começa lembrando que os mucos em nossos narizes que formam a famosa meleca funcionam como um importante filtro para nossos milhares de ciclos respiratórios diários.

Poeiras, alérgenos, bactérias, vírus e substâncias nocivas são combatidas pelos mucos, junto a anticorpos e enzimas, para evitar que os intrusos adentrem nosso corpo por nossas narinas.

Apesar de mais comum entre crianças, o hábito também é recorrente entre adultos

Apesar de mais comum entre crianças, o hábito também é recorrente entre adultos

-Especialista pode ter encontrado a resposta para estátuas egípcias com nariz quebrado

Tirar meleca pode, portanto, ajudar a espalhar germes, vírus e outros intrusos por nosso corpo ou pelo ambiente ao nosso redor. Bactérias como o Estafilococo dourado ou o Pneumococo podem ser transmitidas para feridas ou para dentro de nossos corpos através do dedo no nariz – que pode agravar o processo ao causar feridas ou arranhões na parte de dentro de nossas narinas.

O que fazer com a meleca?

Se todos nós eventualmente colocamos o dedo no nariz, alguns vão além, na infância ou mesmo já em idades maduras, e decidem comer a meleca retirada.

O hábito é tecnicamente conhecido como mucofagia e, além de nojento, pode ser ainda mais perigoso. Comer meleca, afinal, significa a ingestão dos germes, bactérias, vírus e sujeiras filtradas pelo muco nasal: até mesmo metais tóxicos e outros contaminantes ambientais são encontrados nas melecas, e não devem ser ingeridos.

Comer meleca pode ser ainda mais prejudicial à saúde do que simplesmente tirar o muco

Comer meleca pode ser ainda mais prejudicial à saúde do que simplesmente tirar o muco

-45% dos homens dos EUA não trocam de cueca diariamente, diz pesquisa

Limpar a meleca em algum objeto próximo igualmente não é recomendado, já que o muco pode espalhar germes e bactérias pelas superfícies.

Quando a limpeza das narinas se fizer inevitável, a melhor opção é mesmo utilizar cuidadosamente um lenço de papel, sem esquecer de lavar as mãos depois de assoar ou limpar o nariz. Assinado por Mark Patrick Taylor, Gabriel Filippelli e Michael Gillings, o artigo pode ser lido aqui.

A melhor recomendação para a limpeza das narinas é usar um lenço de papel e lavar as mãos

A melhor recomendação para a limpeza das narinas é usar um lenço de papel e lavar as mãos após

Publicidade

© fotos: Getty Images